Partidas… e chegadas.

 

partidas.jpg

Engraçado isso, quanto mais venho aqui te escrever, mais consigo associar o dia-a-dia daqui com o daí, mas aqui, talvez pela intensidade com que acontece parece tudo tão mais claro para mim.

Amanhã pela primeira vez eu vou me despedir.

Pensei nisso hoje, no tram novamente, acho que vou precisar pegar ele algumas vezes mais mesmo quando morar mais perto, esses minutos entre as estações, o ônibus e chegar em casa vem me fazendo bem. Pois bem, conforme ia falando, pela primeira vou me despedir, isso porque normalmente sou eu quem vai embora. Fiquei pensando se é essa a sensação que as pessoas tem quando me veem partir e sinceramente, espero que sim.

Lembrei do caminho para L.A. há pouco menos de um ano atrás, quando fui o caminho todo tentando pensar que estava indo só até a academia ou quem sabe até o Backyard, para qualquer lugar que não me levasse há escalas de distância de todas aquelas pessoas, principalmente do Jimmy. Eu me prometi não colocar nomes, mas poxa, tem pessoas que merecem sabe? Merecem saber que mudaram sua vida e que depois delas cada pedacinho de você de certa forma reflete algo que você aprendeu antes.

Dessa vez o tempo e a intensidade estão mais favoráveis …a distância, essa infelizmente continua a mesma.

Por um momento hoje me deu medo de como será amanhã, mas esse medo não foi maior de tudo de bom que passei esses dias, então quer saber? Deixa para lá.

Que eu tenha a sorte de ter mais chegadas como essa.

Porque as melhores chegadas, são as partidas mais difíceis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s